gramado rs, literatura de viagem, estante de viagens

VERDE, RELVA… GRAMADO

Definições além do dicionário.

Gramado é uma casa de bonecas, com telhado duas águas e flores na janela.

Gramado são hortênsias e azaleias.

Gramado é uma criança de 60 e tantos anos toda lambuzada de chocolate.

É uma mesa de café com pão, broa, bolo, cuca, bolacha, salsicha, omelete, empadão, geléia, mel e nata, como nos tempos da colônia.

Gramado é uma tarde no lago, brincando de pedalinho.

Lago Negro – andresousa – freeimages

 

É fondue de carne, de queijo e de chocolate.

Gramado é a relva onde se descansa e também onde se festeja.

Gramado é a publicidade internacional.

É cinema pra estrangeiro ver.

É luz quando é Natal.

Gramado é a casa do Coelho da Páscoa.

Gramado é frio de se esconder em museu.

É neve na rua e no parque temático.

 

parque temático Snowland – robisonkunz – Wikimedia(CC-BY-4.0)

 

Gramado é ver o mundo em miniatura.

É um Cadillac 53 conversível com vidros Ray Ban elétricos e motor V8 de 230 HP.

Gramado é um Corvette, é um Mustang, é uma Lamborghini Gallardo.

Gramado são quatro rodas. Paradas.

Gramado são figuras de cera.

Gramado é um motoqueiro num bar de olhos grudados numa Harley Davidson Night Road.

Gramado é medieval.

Gramado é um mundo a vapor.

Gramado é esmero em todos os detalhes. Desde os pórticos de entrada até as ruas sem saída.

E ainda é muito mais que isso.

Gramado não é só alemã; é italiana e portuguesa também, mas antes de tudo gaúcha. E acima de tudo, turística.

É um cisne branco, é uma rua coberta, é um mundo encantado, é um café na praça, é uma menina colhendo flores no jardim, é um casal se abraçando, é um grande pinheiro, é a névoa subindo a serra.

Gramado é fazer turismo numa casa de bonecas.

Se gostou da história, confira as dicas de viagem da Estante, comente e compartilhe nas redes sociais. 

DICAS E COMENTÁRIOS DA ESTANTE:

 

Igreja de São Pedro – Gramado – shutterstock

 

hortênsias e azaleias

A cidade de Gramado, na Serra Gaúcha, faz parte do circuito turístico Região das Hortênsias. As mimosas flores azuis encontradas aí são responsáveis por parte do encanto romântico exercido pela cidade, perfumando-a desde a Primavera até o Verão. Já durante o Inverno, são as azaleias que chamam mais atenção pela região. Um bom ponto para observação de hortênsias, azaleias, além de álamos e ciprestes é o Lago Negro, um dos cartões postais da cidade de Gramado – citado posteriormente no texto em referência aos passeios de pedalinho – também é um bom local para caminhadas e piqueniques.

chocolate

Há mais de quatro décadas, Gramado é conhecida como um verdadeiro polo de fábricas de chocolate. São mais de 100 chocolaterias por toda a cidade. E muitas são abertas à visitação e oferecem degustações, além da venda dos doces. A Caracol Chocolates, fundada em 1982, é uma das mais conhecidas, com um amplo espaço de visitação – o Reino do Chocolate – onde é possível ver a confecção das barras, se divertir com crianças e fazer degustações. Outras fábricas de chocolate da cidade chamam atenção por suas especializações. A Prawer, por exemplo, é uma chocolateria que cria deliciosos cafés com toques de chocolate e cacau. Já a Planalto se especializou em criar saborosos sorvetes. Aliás, como citado no texto, toda a gastronomia da cidade é de dar água na boca, incluindo tradicionalmente cafés coloniais, sequências de fondues, churrascos, além de outras especialidades, sobretudo, italianas, alemãs e gaúchas.

publicidade internacional/cinema

Referências a dois tradicionais festivais que ocorrem na cidade. O Festival Mundial de Publicidade de Gramado, realizado pela ALAP desde 1975, é hoje o terceiro maior evento do mundo na área, em número de participantes, e o maior da América Latina, incluindo exposições, seminários e workshops, além da participação de autoridades nacionais e internacionais do setor. Mas quando se fala em Festival de Gramado, o foco é o cinema. Realizado desde 1973, o Festival de Gramado – responsável pela entrega do Kikito (deus da alegria) – é um dos principais eventos do gênero no país, um espaço indispensável para a divulgação, discussão e incentivo à criação cinematográfica nacional.

luz quando é Natal

Com uma economia 90% voltada ao turismo, Gramado possui diversos eventos em seu calendário anual. O Natal Luz é um dos maiores destaques, atraindo mais de 2 milhões de turistas por ano para se encantarem com seus espetáculos e atrações. A programação gratuita pela cidade inclui o show de acendimento de luzes, a Vila de Natal, as exposições de renas e pinheiros decorados, a Parada de Natal e até uma árvore cantante. E há também espetáculos pagos com produções mais elaboradas, como o Nativitaten, o Grande Desfile, o Natal pelo Mundo e o Natal Mágico.

a casa do Coelho da Páscoa

Até 2014, Gramado sediava a Chocofest, um tradicional evento de Páscoa com feira de doces, programação infantil, além de shows e outras atividades culturais. A cidade ficava toda decorada com coelhos, ovos e outros motivos referentes à magia da data. Desde 2015, porém, a Chocofest foi transferida para Nova Petrópolis. Os responsáveis dizem que estão planejando uma reestruturação inédita, que traga novo impulso para o turismo na data. A ideia parece ser juntar em apenas um evento o atrativo universo do chocolate e a religiosidade do Gramado Aleluia!

É neve na rua…

Gramado tem clima úmido e temperado. O verão apresenta temperaturas amenas, em torno de 22o C nos dias mais quentes. Já o Inverno pode ser rigoroso, com temperaturas abaixo de zero, geadas e até ocasional ocorrência de neve, que não chega a encher a rua, mas causa comoção entre os turistas (principalmente os brasileiros) que torcem para ver os flocos caindo pela cidade.

[neve] …no parque temático

Uma das atrações mais originais da cidade é o Snowland, um parque temático de neve indoor, que oferece atividades como patinação no gelo, esqui e snowboard. Para quem nunca viu neve, quer se divertir com a novidade e experimentar os esportes, a experiência pode ser bem interessante. Por outro lado, quem já esteve na neve ou já tem experiência nesse tipo de esportes pode acabar se decepcionando um pouco. Além disso, o parque é bem concorrido. Para evitar as longas filas, é aconselhável ir dias de semana (exceto feriados) e chegar cedo (antes das 9h). Não precisa ir vestido direto para a neve, pois há áreas mais aquecidas no parque. Mas é bom levar luvas, meias, toucas e outras peças se for esquiar ou fazer snowboard, pois a área da montanha é de frio intenso (-3o C).

mundo em miniatura

Referência ao Mini Mundo, um parque temático que abriga réplicas arquitetônicas reais de castelos, estradas, aeroportos, barcos, cascatas, moinhos e ferrovias de vários lugares do mundo; tudo numa proporção 24 vezes menor e cheio de detalhes reais. A visita dura uns 40 minutos e encanta crianças e adultos.

Cadillac 53/Lamborghini Gallardo/figuras de cera/Harley Davidson/medieval

Referências a alguns dos museus mais famosos da cidade: o Museu do Automóvel – Hollywood Dream Cars, o Salão Super Carros, o Museu de Cera Dreamland, o Harley Motor Show e o Museu Medieval. O ingresso para os quatro primeiros pode ser comprado em forma de combo, não incluindo transporte entre eles. Já o Museu Medieval é uma atração a parte. O castelo estilo medieval onde está localizado vem sendo construído durante os últimos 30 anos, exclusivamente por seu proprietário, e abriga brasões, armas medievais, facas, espadas, adagas, etc.

quatro rodas. Paradas

Gramado tem pouco mais de 200 km de extensão. O trânsito da cidade é controlado por várias rótulas (rotatórias ou balões) distribuídas entre as duas avenidas principais. O transporte público fica concentrado na rodoviária e não existe fácil acesso entre os bairros. Em virtude disso, nas épocas dos grandes eventos e festivais, a cidade costuma sofrer com extensos engarrafamentos. Pode-se levar horas para dirigir apenas alguns km.

mundo a vapor

Outro parque temático. Mas este, na verdade, fica em Canela, cidade conurbada a Gramado. De fora do parque já surpreende a vista da locomotiva, atravessando a parede, pendurada a 12 metros de altura – reconstrução do famoso acidente ferroviário ocorrido em Paris, em 1985. Dentro do Mundo a Vapor, o visitante ainda encontra mostras de: siderúrgica, olaria, ferraria, granja de arroz, trator agrícola, serraria, moinhos de vento, além da menor fábrica de papel do mundo.

pórticos de entrada

Os pórticos de entrada da cidade já viraram atração turística por sua beleza arquitetônica. Além disso, como explicita o texto, Gramado é toda caprichosa, cheia de detalhes e belezas. Não são só seus eventos, parques e museus que atraem os turistas, mas o encanto da cidade em si, com seu ar um pouco europeu, um bocado romântico e totalmente envolvente.

 

 

Se gostou da história, comente: