banho_literatura de viagem

TODO MUNDO TOMA BANHO

Comparando lugares e tempos.

3/6 – PRAIA DO ROSA/SC – BR: 17h

Bárbara estica o braço para ligar o chuveiro. Ainda fora do box, desata o biquíni, arremessa-o embaixo da água corrente e senta-se no vaso para fazer xixi.

3/6 – AMSTERDAM/NL – NL: 22h01 (BR: 17h01)

Como o braço retesado para o alto, Alisson arremessa a ficha na estranha máquina ao lado do chuveiro. Já sem roupa e com uma porção de xampu na mão, entra na água e começa a lavar os cabelos, contente pelo calor que vai se espalhando na cabine vedada.

3/6 – PRAIA DO ROSA/SC – BR: 17h02 (NL: 22h02)

Bárbara dá descarga e tenta olhar-se no espelho, já meio embaçado, à procura de alguma ruga. Comemorar os 35 anos no Rosa tinha sido uma boa ideia, ainda mais porque o veranico de maio tinha chegado atrasado e os dias estavam lindos. Depois de tanta praia, só mesmo um bom banho. Entrou na água.

3/6 – VICO EQUENSE/IT – IT: 22h03 (BR: 17h03)

Enquanto de despe, Nena pensa com carinho no marido e na surpresa que ele lhe fizera: viajar de motorhome sempre fora seu sonho e só agora, aposentados, percebiam que deviam aproveitar suas rendas para isso. Com esse pensamento, apertou a moeda de 2 euros na mão e tratou de colocá-la no aparelho temporizador. Mas nada aconteceu.

3/6 – AMSTERDAM/NL – NL: 22h04 (BR: 17h04)

Cantando, Alisson enxágua o corpo e os cabelos. Está empolgado com a viagem, com os novos amigos, impressionado com a qualidade dos serviços do camping. De repente, uma luz amarela acende-se na máquina ao lado do chuveiro. Mas a água ainda continua fluindo.

3/6 – VICO EQUENSE/IT – IT: 22h05 (BR: 17h05)

Nena enrola-se na toalha e vai à procura de alguém do camping. Não tinham dito que era só colocar a moeda que sairia água do chuveiro? Ou ela tinha entendido mal o que aquele italiano afobado falou? De qualquer forma, não havia nenhuma torneira ou botão que pudesse apertar. Por sorte, a mulher da limpeza vê aquela senhora de toalha no hall dos banheiros e resolve ajudar. Vai até o box com Nena, dá um solavanco na máquina e a água começa a cair. Nena agradece e empurra-a para fora depressa. Tinha pouco tempo.

3/6 – PRAIA DO ROSA/SC – BR – 17h06

Bárbara enxágua o biquíni no chuveiro, enquanto pensa no figurino da noite. Vestidinho? Saia? Shortinho? Pega a bucha vegetal e começa a esfoliar as bonitas pernas.

3/6 – ENTRE BERLIM E KÖLN/DE – DE: 22h07 (BR: 17h07)

Higor pendura a necessaire no gancho da parede, pega a ficha na mão e grita para Otávio:

– Como funciona isso?

– Você não ouviu a mulher falar? Coloca a ficha no temporizador e vai acender uma luz verde. Depois, cada vez que você aperta o botão, sai água do chuveiro durante uns 30 segundos. Ao todo, cada ficha dá direito a uns quatro minutos de banho.

– Beleza, beleza. já entendi. – Higor coloca a ficha e aperta o botão a primeira vez, já debaixo do chuveiro. A água sai gelada. Ele grita com voz estridente.

3/6 – AMSTERDAM/ NL – NL: 22h08 (BR: 17h08)

Já vestido de calça e camiseta, Alisson sai da cabine, com as roupas usadas numa mão e uma nova ficha na outra. No hall do banheiro masculino, coloca as roupas na máquina para lavar, veste a camisa de flanela que deixara ali e sai do banheiro lacrado ao encontro dos amigos lá fora. A noite só estava começando em Amsterdam.

3/6 – VICO EQUENSE/IT – IT: 22h09 (BR: 17h09)

De legging e camisa, Nena seca bem os pés antes de calçar os tamancos. Seca novamente os ouvidos e o rosto; sai do box e põe-se a escovar os dentes, enquanto pensa em convidar o marido para irem tomar um vinho em Sorrento ainda esta noite.

3/6 – PRAIA DO ROSA/SC – BR: 17h10

Bárbara enxágua o xampu dos cabelos. Sentindo-se mais relaxada e com todos os poros abertos, pega a gilete e começa a depilar-se. Mas logo para com uma ideia: para aproveitar o tempo, vai logo passar o condicionador, que pode ir agindo enquanto ela se depila. Com precisão, corre a lâmina por pernas, axilas e virilha, enquanto tenta decidir o destino da noite: Beleza Pura ou Pico da Tribo?

3/6 – ENTRE BERLIM E KÖLN/DE – DE: 22h11 (BR: 17h11)

Higor e Otávio ensaboam-se, apertam o botão, enxáguam-se, apertam o botão, passam xampu, apertam o botão… Enquanto isso, gritam um para o outro, cada um de sua cabine:

– Que bom que a água esquentou depois daquele primeiro jato frio.

– Que bom que nos deixaram tomar banho nesse camping, isso sim. Eu não ia conseguir ficar sem um banho depois de um dia tão quente em Berlim. Nem ia aguentar seu cheiro no carro.

Quando Otávio fala essa palavras, a água do seu chuveiro começa a diminuir. Ele olha para a luz que já estava amarela. Tenta apertar o botão de novo e recebe um último jato. De água fria. Tem que enxaguar o cabelo na pia, enquanto Higor já está se secando.

3/6 – PRAIA DO ROSA/SC – BR: 17h15

Bárbara repara nas pontas dos dedos enrugadas. O banheiro é pura neblina, densa e quente. Ela enxágua o condicionador dos longos cabelos. Alonga-se, deixando a água correr por seu corpo. Ainda massageia os ombros e o pescoço com a ponta dos dedos. Com a situação da água em São Paulo, há tempos que não tomava um banho tão bom. Enfim, desliga o chuveiro, estica o braço para pegar a toalha e pega também o telefone para conferir a hora. Bárbara espanta-se: Uau! Só 15 minutos? Feliz e saltitante, ela sai do box, pensando ter economizado água.

DICAS E COMENTÁRIOS DA ESTANTE:

veranico de maio

O veranico é uma espécie de pequeno verão, um fenômeno meteorológico que consiste em um período de estiagem e calor intenso, com ocorrência, principalmente, após os primeiros dias invernais de abril. Mais comum nas regiões invernais do Brasil.

moeda de 2 euros

Alguns temporizadores de banho pagos funcionam com fichas específicas, como o do personagem Alisson, outros com moedas comuns, como o da personagem Nena.

uma luz amarela acende-se

Em alguns equipamentos temporizadores, a luz amarela acende-se quando o tempo está prestes a terminar. Em outros, uma luz verde permanece ligada ao longo do banho e comece a piscar quando o tempo está acabando. Entre outros modelos possíveis.

sai água do chuveiro durante uns 30 segundos

Como mencionado, há diversos tipos de temporizadores. Em alguns, o fluxo de água é contínuo após a colocação da ficha ou moeda. Em outros, é preciso ir apertando a torneira para receber um jato por vez, controlando melhor a quantidade de água ao longo do banho.

quatro minutos de banho

Usando um temporizador, o tempo total de banho pode ser estabelecido pelo proprietário. Em campings e pousadas da Europa, esse tempo costuma variar entre 3 e 5 minutos (no máximo).

banheiro lacrado

Em Amsterdam e em outros países de frio intenso, portas e janelas costumam ser bem reforçadas, muitas vezes com vidros duplos e vedação nas extremidades.

tomar um vinho em Sorrento ainda esta noite

A cidade de Vico Equense encontra-se na zona metropolitana de Nápoles e fica a apenas 30 minutos (de carro) de Sorrento, outro destino turístico bem conhecido da Itália.

Leia este Poema de Viagem sobre Sorrento: Sul da Itália

Beleza Pura ou Pico da Tribo

Beleza Pura e Pico da Tribo são as duas opções de bares/baladas mais famosas da Praia do Rosa/SC. A programação costuma incluir reggae, MPB e samba-rock.

um dia tão quente em Berlim

A cidade de Berlim tem um inverno rigoroso, podendo chegar a temperatura de 26°C negativos. Mas quando o verão se aproxima, as temperaturas podem subir bastante, chegando a 38°C.

a situação da água em São Paulo

Referência à crise hídrica que afetou, principalmente, São Paulo, em 2015 e ao racionamento imposto na época.

Se gostou da história e das dicas de viagem, comente.
E compartilhe nas redes sociais. 

2 comentários sobre “TODO MUNDO TOMA BANHO

Se gostou da história, comente: